Seguidores

domingo, fevereiro 28, 2010

NÃO SEI...

Não sei… se a vida é curta ou longa demais pra nós,
Mas sei que nada do que vivemos
tem sentido, se não tocamos o coração das pessoas.
Muitas vezes basta ser:
Colo que acolhe,
Braço que envolve,
Palavra que conforta,
Silêncio que respeita,
Alegria que contagia,
Lágrima que corre,
Olhar que acaricia,
Desejo que sacia,
Amor que promove.
E isso não é coisa de outro mundo,
é o que dá sentido à vida.
É o que faz com que ela
não seja nem curta,
nem longa demais,
Mas que seja intensa,
verdadeira, pura…
Enquanto durar.

Autoria desconhecida, se alguém souber, por favor me avise para que eu coloque o devido crédito.



23 comentários:

  1. Un poema.. maravilloso. que lindo leerte este domingo.


    Un abrazo
    Saludos fraternos...

    Que tengas una bella semana..

    ResponderExcluir
  2. Boa tarde minha linda.
    Sua postagem tá maravilhosa.
    Do q adianta tanto coisa se ñ tocarmos o coração das pessoas?
    Acho q nada importa sem amor,nada tem graça e tudo fica sem gosto.
    Um beijo grande minha deusa.

    ResponderExcluir
  3. Dora

    Cora Coralina, é um presente nesse domingo, que você oferta a seus amigos/leitores.

    Tocou o nosso coração

    Um fraterno abraço

    ResponderExcluir
  4. Nosso tempo assim acho eu de permanência aqui deve ser vivido da melhor maneira. E tudo o que vivemos tem que ter sentido.

    ResponderExcluir
  5. Estou feliz por ter completando as MIL postagem no blogger UMA PAGINA PARA DOIS.
    Vim agradecer por você fazer parte dele com o seu carinho.

    Abraços, te desejo uma linda semana

    ResponderExcluir
  6. Obrigado minha flor pela visita.
    Um beijo grande.

    ResponderExcluir
  7. Dora, a vossa postagem faz nos refletir a essência do viver bem...
    Obrigado pela visita comentada.
    Tenha uma semana de luz!

    ResponderExcluir
  8. Belas palavras da Cora!! E só assim vale a pena viver a vida!
    Obrigada Dora.
    Beijos e votos de uma semana feliz!

    ResponderExcluir
  9. O amor é o que faz o mundo e fez a sociedade humana que é, eu não sei o que vai acontecer quando não quer apostar no lar e família. Um abraço.

    ResponderExcluir
  10. Me desculpem os amigos que concordaram comigo quando postei como autora desse poema, Cora Coralina, recebi um e-mail da amiga Zilda Santiago que gentilmente me informou que não é, não se conhece a autoria ainda, inclusive aparece na net com uma outra autoria.
    Reforço o pedido que, se alguém souber me avise, ficarei agradecida.
    Obrigada!

    ResponderExcluir
  11. Olá Dora!Como sempre um lindo poema.A vida sem amor não tem sentido.Um beijo da Gauchinha.

    ResponderExcluir
  12. Este poema lindo sobre o percurso da vida, ao lado de uma via férrea, faz todo o sentido. A vida é um caminho que se faz e que em cada momento tem a sua própria história que não se repete jamais...Não perquemos,pois, um momento, por mais breve que seja..Sobretudo, não perquemos ESTE momento em que estamos contigo, Amiga Dora!
    Beijocas
    Graça

    ResponderExcluir
  13. Querida Dora, o texto e a imagem são lindos. A vida é isso mesmo, um abraço, uma ternura, uma palavra que nos reconforta, e assim vale a pena ser vivida com amor no coração, com amizade verdadeira.

    Obrigada pelos teus comentários, fico feliz com as tuas visitas. Tem uma boa semana.
    Beijos de luz
    Isa

    ResponderExcluir
  14. O seu post, me fez lembrar uma histórinha que eu li, e que me emocionou muito.

    Um garoto de 4 anos tinha um vizinho idoso ao lado, cuja esposa havia falecido recentemente.
    Ao vê-lo chorar, o menino foi para o quintal dele, e simplesmente sentou-se em seu colo.
    Quando a mãe perguntou a ele o que havia dito ao velhinho, ele respondeu:
    - Nada. Só o ajudei a chorar.

    Beijinho e tenha um lindo dia!

    ResponderExcluir
  15. Belo post amiga , parabéns.Adorei o visual, grande beijo e uma linda quarta-feira.

    ResponderExcluir
  16. Como está tudo lindo por aqui, minha amiga! Parabéns!!!
    Amei o texto!
    Bjkas!

    ResponderExcluir
  17. Olá amiga, estou conhecendo teu cantinho e adorando, é tudo muito encantador, tanto que já virei tua seguidora, rsrsrs! E que palavras verdadeiras estão ditas nesse post. Concordo, se a gente não "tocar" as pessoas, a vida passará em branco, e nossas ações não terão o menor sentido...
    Um grande beijo.

    ResponderExcluir
  18. Dora, passei para ler algumas coisas por aqui, e te deixar um boa noite... beijinho

    ResponderExcluir
  19. Ola Dora, vim só desejar uma boa noite e deixar um beijo ternurento.
    Isa

    ResponderExcluir
  20. Olá Dora, parabéns pela bela postagem. Amo esse poema. É uma oração à vida, não é?
    Seja lá quem for o autor (a), estava inspiradíssimo (a).
    Prometo pedir a alguém que faça uma busca pra você.O.K. ?

    Um beijo

    E.T. Não sei se você teve oportunidade de ver, mas você tem dois prêmios no Renascendo aguardando por você. Sem regras, tá? [rs] Caso você os aprecie, pode pegá-los. Está sendo oferecido de coração.

    ResponderExcluir
  21. Dora, vim conhecer tua "casa" e adorei.
    E que poema lindo, precisamos viver a vida com intensidade.
    Vou te lincar no meu blog.

    ResponderExcluir
  22. Um graaande abraço e muuuita paz!
    Grato pela tua visita!

    ResponderExcluir
  23. Muito lindo e bem inspirado! beijos , lindo fim de semana,chica

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar! Fique a vontade para voltar outras vezes.
Para mim será sempre uma alegria renovada.